É verdade que o Canadá quer mais imigrantes e também é verdade que o sistema de imigração deles, o tal do Express Entry, facilitou a vida de muita gente que sonha em se mudar de vez para o país. Mas… muita calma nessa hora! Estamos presenciando atualmente uma intensa disseminação de notícias enganosas que tentam te transmitir a mensagem de que é super fácil ir pro Canadá, independente do seu background. Não caia nessa, ok?

O Canadá quer e precisa de mais imigrantes, mas isso se deve ao fato de eles precisarem de mais mão de obra qualificada – e não de qualquer “zé mané”. Aliás, uma pesquisa inicial sobre os pré-requisitos para se candidatar como imigrante já deixará bem claro para ti que, definitivamente, “zés manés” não se encaixam no perfil necessário. O Canadá busca profissionais qualificados e a lista de profissões que te deixam em vantagem para imigrar pode ser bem extensa. Essas listas variam de província para província e são atualizadas de tempos em tempos, então fique sempre atento!

Além da possibilidade de imigrar através de alguma província específica, você pode tentar o processo federal, com a grande vantagem de poder escolher onde quer morar se for selecionado como imigrante. O processo via província te obriga a viver por um período naquela província para a qual foi selecionado.

Se você está começando agora a recolher todas as informações sobre o Express Entry, tenho algumas dicas que podem facilitar demais a sua vida, assim como facilitaram a minha.

  1. A fonte mais confiável

Aventure-se à vontade pelo site oficial da imigração canadense,  o CIC (clique aqui), e não tenha preguiça de pesquisar todos os detalhes. O site é extremamente completo e 100% confiável. É de lá que devem vir, preferencialmente, todas as informações relevantes. Se você não domina o inglês e nem o francês, vale usar o Google tradutor para te ajudar. Porém, se seu conhecimento destes idiomas for realmente limitado, aconselho pedir a ajuda de alguém fluente.

  1. Grupos do Facebook

Este é um recurso que eu particularmente gosto e uso muito. Nesses espaços, você tem acesso a outras pessoas que estão vivendo os mesmos perrengues que você e o espírito de colaboração é grande. As pessoas interagem, trocam experiências, fazem perguntas e oferecem explicações, opiniões, etc. Além disso, uma importante vantagem é a rapidez com que todas essas trocas acontecem – muito mais rápido do que qualquer outro recurso. O recurso de pesquisa por assuntos específicos também se mostra de grande auxílio aos participantes.

Dois grupos que eu recomendo são:

  • Express Entry Canada – grupo para participantes de todas as nacionalidades – a comunicação é feita em inglês.
  • Brasileiros no Express Entry – grupo específico para brasileiros que desejam imigrar para o Canadá – a comunicação é feita em português.
  1. Grupos do Whatsapp

Tão rápido quanto o Facebook, este recurso pode se mostrar bastante útil para dúvidas urgentes e pontuais. Para participar, você pode pedir em um grupo do Facebook que alguém te convide. Já passei por situações nas quais o WhatsApp foi o que me salvou, graças à prestatividade e prontidão de alguns membros. No entanto, considero difícil me manter atualizada das conversas, pois a interação é alta e a quantidade de mensagens diárias pode ser exaustiva. Ainda assim, vale deixar o grupo ativo, mesmo que silenciado.

  1. Blogs

Pesquise blogs (ou peça indicações aos participantes dos grupos) que explicam os passos do processo de imigração. A experiência de outras pessoas pode ser parecida com a sua e, assim, te poupar tempo e energia. É essencial que você se atente às datas das publicações dos blogs e priorize aqueles que disponibilizaram conteúdos mais recentes. O Express Entry é um programa novo, que começou em 2015, e vem sofrendo alterações constantes. Por isso, aquela informação que correspondia à realidade de um ou dois anos atrás pode não servir mais hoje em dia.

Alguns blogs sugeridos por membros do Brasileiros no Express Entry foram:

 

Se você dedicar sua atenção para xeretar amplamente todos esses recursos digitais, tenho a certeza de que boa parte das suas dúvidas serão sanadas. E tenho igual certeza de que inúmeras outras dúvidas surgirão! Porque é assim mesmo. É complexo, trabalhoso, inquietante e desafiador. Pois, como eu disse lá em cima, imigrar para o Canadá não é tarefa para qualquer “zé mané”. É preciso ter muita determinação, persistência, dedicação, paciência e atenção. A seleção dos melhores candidatos já começa por aí, então não desanime e boa sorte!

 

Leia também: